27 02 2008

Depois de quase cinco meses, vejo o mar. 

Sem palavras.

Coisa cliche, de filme. Me sentei na areia e fiquei um bom tempo com o olhar perdido no horizonte. A praia completamente deserta, de manhazinha, e eu la, sozinho.

So conseguia me lembrar de um verso de Fernando Pessoa que acho super lindo:”Oh, mar salgado. Quanto do seu sal sao lagrimas de Portugal?”

Unicas palavras.

dsc00039.jpg 





27 02 2008

Que emocao ver o hospital Del Mar, onde foram gravadas cenas de um dos filmes que mais amo: “Tudo sobre minha mae”, de Almodovar. A primeira foto tirei com meu celular – como outras dos posts anteriores. O hospital està à direita. Como o nome diz, ele fica em frente ao mar.

dsc00040.jpg

 Um site da secretaria de turismo de Barcelona tem a relacao de filmes que foram girados em Barcelona, fotos e indicacoes em um grande mapa sobre como encontrar tais locais. Nos proximos dias, irei à caça de outros sets. Um dia, quero fazer isso em Los Angeles, com os locais que aparecem em “Cidade dos Sonhos” (Mulholland Drive, de David Lynch). Enquanto isso, treino aqui em Barcelona. Hoje, dando umas voltas no Raval, bairro que concentra a comunidade arabe daqui, “cai” em uma rua onde foi girada uma cena de “Albergue Espanhol”.    





27 02 2008

Ontem fui com o Darta ver uma palestra de um festival sobre audiovisual que ta rolando aqui em Barcelona. Foi em um lugar meio afastado. Chegamos super atrasados pq descemos na estacao de metro errada, nos perdemos, andamos quilometros ate achar o lugar.

Quando se esta na cidade que se vive, isso è uma M****. Mas qnd se esta em uma cidade nova, è uma delicia. Vi tanta coisa. Uma das mais incriveis foi ver – e subir – em uma escada rolante no meio da rua. A regiao era bem inclinada, e a prefeitura instalou varias escadas do tipo!

dsc00041.jpg  





27 02 2008

dsc00043.jpg

Aqui em Barcelona cada bairro tem um dia de “bota-fora”. As pessoas colocam nas calçadas neste determinado dia da semana todos os movies e objetos que nao querem mais, por algum motivo. As calçadas, a noite, ficam entulhadas de sofas, aparelhos de som, armarios etc, esperando o caminhao da prefeitura ou quem quiser pegar. Muita coisa è velharia, mas dà para garimpar muita coisa bacana semi-nova ou precisando de uma pequena reforma.  

Esse amontoado de coisas acima estava na porta do predio do Erthal, onde ele achou um aparelho de som. Ele pegou as caixas de som para colocar no laptop dele e potencializar o audio.

Esta poltroninha abaixo, por exemplo, com uma reforminha ficaria show de bola. 

dsc00045.jpg 





25 02 2008

Eduardo Erthal, tambem conhecido como Dartagnan, meu fiel anfitriao em Barcelona.foto36.jpg  images3.jpegimages3.jpegimages3.jpegimages3.jpegimages3.jpeg images-12.jpegimages-12.jpegimages-12.jpegimages-12.jpegimages-12.jpegimages-12.jpegimages-12.jpeg  Edward Norton: separados no nascimento?   





Mi Barcelona querida…

24 02 2008

barcelona1-thumb.jpg

 Cheguei ontem a Barcelona, aproveitando que esta semana nao terei aulas na faculdade. Fico na casa de um caro amigo meu de Brasilia, Eduardo Erthal, aka Dartagnan.Cheguei ontem, em Girona, uma outra cidade, quase fronteira da França. A Ryanair, empresa super low-cost da Irlanda, sò opera em aeroportos afastados dos centros urbanos. Assim, paga menores taxas.

è incrivel como o clima de prosperidade economica influencia o humor das pessoas e o astral da cidade. Bastou andar um pouco pelas ruas, ontem a noite, para sentir isso. Aqui, a historia è outra. A Espanha realmente passa por um boom economico fantastico, desde a morte de Franco, na dècada de 1970. Para se ter uma ideia, levei 4 meses para ver uma Ferrari circulando por Roma. Aqui, vi uma saindo do aeroporto de Girona, tres minutos apos entrar no onibus que me levou ao centro de Barcelona.

Ah, o melhor de tudo ate agora foi ter andado de Bicing ontem a noite. O sistema, recentemente implantado em Barcelona, ja existe em varias cidades, como Paris. O usuario faz uma carteira, paga 24 euros por ano e pode usar esse sistema de transporte publico de bicicletas. Pela cidade hà muitos pontos como o da foto abaixo. A pessoa chega, encosta o cartao em um visor o automaticamente uma bicicleta è liberada. è possivel circular por ela por atè 30 minutos. A partir dai, o usuario tem de pagar uma taxa extra de 0,30 euro por cada 30 minutos. A multa è justamente para evitar que as pessoas a utilizem como forma de passeio, e nao como verdadeiro meio de transporte. Para devolver, basta procurar um outro ponto de bicicletas e deixa-la la. 

Ontem, eu e o Darta fomos ao aniversario de uma amiga dele. Fomos e voltamos de bicing. Eu nao usava uma magrela ha uns 10 anos, sem brincadeira. Varias vezes quase fiz barbaridades, como bater em objetos como bancos e postes, ou sair da ciclovia (ao longo das avenidas ha espaços delimitados para as bicicletas, com mao e contra-mao). Varias ruas sao fechadas para carros. Hà realmente um sistema interligado de ciclovias. Voltamos do aniversario as 2h30. Chegamos sao e salvos. 

Enfim, um grande sistema para uma grande cidade. Grande em todos os sentidos.  

  pz-th-bicing.jpg 





Aviso à gentil clientela

21 02 2008

O Carrozzo Inn Resort and Conventions Center avisa aos futuros hospedes que somente serao aceitas reservas com mais de 24h de antecedencia em relaçao à chegada do (s) hospede (s) ao saguao.

 Atenciosamente,
a direçao. 

 hotel-windsor-sao-paulo-384-recepcao-1.jpeg
Informamos que todos os quartos ja estao ocupados para o mes de Julho; quem achar ruim, favor ir chorar no pè do Papa.